Jordão Beleze 2º

text850.png

Reconduzido à chefia do executivo Municipal, após concorrida eleição com o Sr Geraldo Marcatto, tomou posse no dia 31/01/1970 o Sr Jordão Beleze, tendo como vice-Prefeito o Sr Antônio de Souza Garcia. Com um mandato curto, de apenas três anos, encerrando em 31/01.1973, e encontrando melhores condições de trabalho, pôde efetuar:
# Aquisição de dois tratores agrícolas, com implementos, para atendimento aos pequenos agricultores.
# Uma pá carregadeira Michigan.

# Um trator de esteiras D-4-D.
# Um caminhão basculante.
# Residência para médico do Posto de Saúde.
# Implantação do asfaltamento das principais vias centrais da cidade.
# Instalação de energia elétrica em Sete de Maio.
# Construção de Escolas, inclusive o prédio em Alvenaria da Escola Machado de Assis, em Bela Vista do Cambira.# Reconstrução da ponte sobre o Rio Bom, entregue à supervisão total do Sr Maximino Alves Nunes (Ponte Preta).
# Instalação do Escritório da ACARPA, tendo como Chefe o Engenheiro Agrônomo João Palhano Neto.
# Empenhou-se na manutenção do ginásio Gonçalves Dias.
# Diversas outras obras de menor importância.
Neste mandato a Câmara Municipal era composta pelos vereadores: Jamil Nakad, José Antonio Pichelli, Nelson da Cunha, Luiz Felipetto, José Hilário Neto, Luciano Castilho Lazilha, José Alves Pereira, José Crotti e Fernando Junqueira de Oliveira Almeida.
Posteriormente, Fernando Junqueira foi substituído pelo Sr Armando Belini.