INTEMPÉRIES

Ao longo dos tempos, intempéries climáticas ocasionaram sérios problemas para o desenvolvimento do município, em especial aquelas que afetaram a zona rural, base da economia local. Dos fenômenos climáticos da década de 50 não tenho conhecimento real, mas a partir de 1962 presenciei todas elas. Assim, no ano de 1963 a geada atingiu fortemente os cafezais e as pastagens, e à noite era comum avistar-se o fogo lambendo vorazmente tudo que estivesse seco à sua frente,

ajudado que foi pela seca vinda logo após a geada. Isto afetou sobremaneira a zona rural e consequentemente, a zona urbana.